Guia para um armário minimalista

Guia para um armário minimalista

19/06/2017 • Moda Consciente

Share Button

Em contrapartida ao fast fashion e o excesso de consumo, a ideia de rever nossas compras de moda e caminhar em direção a uma vida mais prática, objetiva e funcional vai de acordo a um estilo e armário minimalista. Um guarda-roupas minimalista significa menos peças, mas com maior usabilidade, qualidade e compatibilidade de combinações.

Analisando sob o prisma da ciência, existe uma teoria chamada de Paradoxo da Escolha – quantidade de opções é inversamente proporcional a capacidade de escolha – que explica que o excesso de opções disponíveis acaba por dificultar sua capacidade. Isso pode ser aplicado também para seu guarda-roupas. Portanto, a solução para a dificuldade de escolha do que vestir não está em mais compras e sim em reestruturar seu armário de forma otimizada e inteligente.

Leia também: benefícios do minimalismo para seu guarda-roupas

Então para montar um guarda-roupas minimalista faça uma análise do seu armário e retire tudo aquilo que você não usa há bastante tempo (pode colocar como prazo 1 ano ou menos). A partir daí, analise as peças que ficaram e próximas compras de acordo com o seguinte guia:

Versatilidade: as peças terão que fazer o dobro ou o triplo de combinações. Não podemos ter itens de uso especial em um guarda-roupa minimalista. Tirando raras exceções, as peças devem ser curingas e com design atemporal (nada de recortes e detalhes carregados de modismos passageiros).

Cores sólidas e neutras:  as bases de um guarda-roupa incrível são cores neutras sólidas como preto, marinho, branco, cinza e cáqui. Sem muitas estampas, sem logos, sem padrões exclusivos. Lembre-se que uma peça de roupas estampada permite menos combinações e fica muito mais marcada na memória das pessoas, o que pode dar a impressão de você estar sempre com a mesma roupa.

Adequação: os armários mínimos ainda precisam ser apropriados para o seu estilo de vida. Você não pode decidir ser minimalista e usar apenas uma camiseta branca e calça jeans se seu trabalho exige uma saia midi e um blazer. Mas é possível adequar um guarda-roupas mínimo para qualquer estilo de vida.

Qualidade: quando você constrói um guarda-roupa minimalista, vale a pena investir mais em roupas de maior qualidade, especialmente itens que você estará vestindo repetidamente como sapatos, bolsas e casacos.

 

Imagem destaque: via

Deixe uma resposta