Francesca Córdova

slow-fashion-de-croche-feito-a-mao-francesca-cordova

13/01/2018 • Guia de Marcas

Share Button

Francesca Córdova é uma marca slow fashion de crocheteria que valoriza o fazer manual como DNA do seu trabalho. Suas peças são criadas dentro do conceito de artwear, onde função e estética caminham juntas, com o propósito de encantar e enaltecer o belo e o bem estar.

O handmade sempre fez parte do ofício da estilista curiritiba Francesca Córdova – vencedora nos prêmios João Turim em Curitiba; no Concurso de Moda Zuzu Angel, dentro do SPFW e no Prêmio Fenit Novíssima Geração – que iniciou sua marca homônima em 2004.

slow-fashion-de-croche-feito-a-mao-francesca-cordova

Francesca Córdova traz autenticidade, beleza e consciência para seus produtos através de peças únicas. Os crochets são confeccionados organicamente, sem receitas, anotações ou instruções. Os materiais utilizados variam entre fios naturais e tecnológicos, como a coleção Manus (apresentada nesse post) desenvolvida em fios de seda, de cultivo orgânico e tingimento natural. As coleções são permanentes dentro do conceito de unsesonal, fortalecendo a ideia de atemporalidade.

A marca valoriza princípios do slow fashion como a ética, origem de matérias primas, humanização de mão de obra, produção e insumos locais, manutenção de saberes e fazeres da artesania crocheteira, o design atemporal, a autoralidade e a sustentabilidade.

“Em tempos de extrema velocidade, levar 10, 15, 20 dias para confeccionar uma roupa é, a meu ver, revolucionário. Há tempos minhas inspirações deixaram de ser por temas e se tornaram um desejo maior de representar o momento e usar o meu ofício para transformar o meio em que vivo e instigar as pessoas a uma nova formar de pensar o vestir”, conta Francesca.

Inspirada pelo contemporâneo, o mundo em que vivemos e como atuamos nele, a estilista acredita na necessidade de reaprendermos a olhar para nós mesmos e admirar aquilo que nos difere das demais espécies, a nossa humanidade. “Em tempos de uso incessante e frenético de tecnologias, faz-se necessário o questionamento sobre a perda de habilidades e saberes próprios dos seres humanos e até que medida as pessoas seriam assim, substituíveis.”

 

Para conhecer mais:

www.francescacordova.com

Instagram: @francescacordova

 

slow-fashion-de-croche-feito-a-mao-francesca-cordova

Deixe uma resposta