Tecido de Flor de Lótus

Tecido de Flor de Lótus

13/11/2017 • Moda Sustentável

Share Button

Milhares de anos atrás a arte de criar tecidos de lótus era conhecida e praticada pelos artesãos de aldeias de Camboja, como Samatoa. Essa prática voltou a tona atualmente graças a atuação de uma associação que promove o comércio-justo encabeçada pelo francês Awen Delaval.

O tecido de flor de lótus é obtido através da fibra da haste da flor. Uma prática que permite a utilização da totalidade da flor de lótus – flor e haste – evitando desperdícios. Assim como gera renda e promove a inclusão social de artesãos locais, responsáveis pela colheita e tecimento do tecido.

O tecido que é sustentável e 100% ecológico tem ótimas propriedades como ser naturalmente suave, leve, quase sem rugas e especialmente respirável. É também um tecido muito ecológico que não contém produtos químicos ou tóxicos, além de não usar energia poluente durante a totalidade da sua produção.

Em 2003, a Samatoa, empresa têxtil social que leva o nome da aldeia que deu origem ao tecido, estabeleceu as bases de um tecido sólido desenvolvido pelos melhores especialistas em bio-têxteis e moda ética. Criando um têxtil verde e inovador, a Samatoa foi reconhecida em 2012 pelo Prêmio UNESCO de excelência pelo seu único tecido de flor de lótus.

Imagem reprodução via

Deixe uma resposta